Como é ficar em residência estudantil no intercâmbio - Yázigi Travel

Como é ficar em residência estudantil no intercâmbio

Como é ficar em residência estudantil no intercâmbio

Como é ficar em residência estudantil no intercâmbio

Residência estudantil é uma das opções de acomodação de quem vai estudar no exterior, assim como a casa de família. Geralmente, quem escolhe ficar em residência estudantil no intercâmbio tem em mente ter mais liberdade e, de fato, esse tipo de acomodação oferece isso. Não há horários pré-definidos para as “saídas”, para o jantar e o estudante vive como se estivesse em sua própria casa, embora o local ainda tenha algumas regras estabelecidas para a boa convivência com os moradores.

O dia a dia de uma residência estudantil em relação à casa de família pode ser um pouco diferente, principalmente quando o assunto é a prática do idioma e o contato com estudantes do mundo inteiro que você pode vir a conhecer e trocar experiências durante a estadia.

“Fiquei hospedada em residência estudantil da própria universidade, a Concordia College em Nova York, junto a outros intercambistas de vários lugares do mundo, e aos próprios alunos da faculdade, o que possibilitou que eu vivesse por 24h a rotina de uma universitária americana. Foi tudo maravilhoso, desde comer fast food no refeitório da escola até os passeios maravilhosos por Manhattan.”

Laura Muller5

Laura Müller fez intercâmbio em Nova York, EUA

Outro ponto é a localização das residências, que pode variar, sendo algumas dentro do campus outras próximas às escolas ou a uma distância de 40 a 60 minutos. Quanto à infraestrutura, pode ser um prédio ou casa térrea, com uma recepção, cozinha compartilhada e os quartos, sendo individuais ou compartilhados com outros estudantes. Serviços de limpeza diária podem ser por conta do aluno ou por terceiros através do pagamento de uma taxa extra e a lavanderia pode ser feita pelo próprio aluno na residência ou em lavanderias pagas próximas à moradia. Há ainda residências que possuem outras facilidades de lazer, como piscina, sala de TV e de jogos.

 

Como-é-ficar-em-residência-estudantil-no-intercâmbio

O lado bom da experiência em morar em uma residência estudantil é ter independência, saber como se virar sozinho em diversas situações, como por exemplo, ir ao mercado fazer compras, lavar suas roupas e preparar a sua própria comida. Tudo isso acrescenta em sua vivência e ajuda no processo de amadurecimento pessoal.

+ Veja Mais
Como é ficar numa casa de família no intercâmbio

Quanto ao preço, comparado às outras opções de acomodação, pode variar de país para país e da opção de quarto escolhida. Por exemplo, em uma residência estudantil, um quarto duplo compartilhado com outros estudantes pode ficar mais em conta, uma vez que o valor do quarto é dividido por dois. Em contrapartida, um quarto individual pode ficar mais caro que uma casa de família.

Como é ficar em residência estudantil no intercâmbio

Vale lembrar que as residências estudantis são muito seguras e os estudantes se respeitam e cuidam dos seus pertences. A idade permitida para contratar essa opção é a partir de 18 anos, em alguns lugares, aceitam alunos com 16. Verifique com o seu consultor quais são esses destinos.

Essas foram só algumas das vantagens de como é ficar em residência estudantil no intercâmbio. Você é mais descolado, prefere a liberdade e acha que esse tipo de acomodação tem mais a ver com o seu perfil? Vem falar com a gente!

Fotos: EC English

Add Comment

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Style switcher RESET
Body styles
Color settings
Link color
Menu color
User color
Background pattern
Background image